A evolução do moletom

Postado em Postado como Moda

Durante muito tempo o moletom foi visto como um tecido esportivo, se restringindo apenas ao universo da academia, da dança e dos esportes. Com a vantagem de ser mais quentinho, ele podia ser usado antes e depois dessas atividades, protegendo o corpo dos atletas nos dias e locais mais gelados.

O engraçado é que mesmo com o uso do moletom se expandindo e diversos outros grupos utilizando-o de diferentes formas, seu jeitão de peça mais descolada e molenga permaneceu, fazendo com que por muito tempo ele ficasse associado a roupa “de ficar em casa”. Mas, como já diria o ditado, antes tarde do que nunca: na última década, o moletom finalmente foi alçado ao posto que sempre lhe foi devido, o de peça fashion, muito versátil e cheia de personalidade!

A prova dessa mudança é que nos últimos anos vimos diversas referências no streetstyle e nas passarelas que mostraram que o moletom pode ser usado tanto em looks mais descontraídos quanto em looks mais formais. Tudo dependendo sempre da combinação com outras peças e acessórios, e claro, da proporção de volume, um dos pontos mais importantes no uso do moletom.

Nati Vozza do blog Glam4you
Nati Vozza do blog Glam4you

 

Quando estamos falando de calças de moletom, que costumam ser mais folgadinhas e volumosas, uma boa ideia é usar partes de cima mais sequinhas. Top croppeds são uma boa pedida, mas vale apostar também em camisas de manga longa ajustadas ao corpo. Tanto para calças compridas quando calças cenoura (aquelas calças com pregas na parte de cima e que vão se afunilando até ficarem justinhas no tornozelo), e mesmo shorts, o uso de salto alto ajuda a dar mais elegância ao visual, deixando-o um pouco menos informal e mais ousado.

Ana Luisa Braun do blog Ana's Fashion Blog, Karol Pinheiro do blog Karol Pinheiro e Rodrigo Perek do blog Rodrigo Perek
Ana Luisa Braun do blog Ana’s Fashion Blog, Karol Pinheiro do blog Karol Pinheiro e Rodrigo Perek do blog Rodrigo Perek

 

Não tão comuns e por isso mesmo bastante interessantes são os vestidos de moletom. Em looks com eles, vale apostar tantos em botas de cano curto quanto alto, ou mesmo tênis mais basiquinhos. Nesses casos, acessórios também costumam fazer bastante diferença, por isso aposte em maxicolares, chapéus, bandanas e bolsas descoladas. Só tome cuidado para não carregar demais na produção, caso o vestido já seja estampado.

 

Carla do blog Faltou Açúcar, Thássia Naves do blog da Thássia e Van Duarte do blog Van Duarte
Carla do blog Faltou Açúcar, Thássia Naves do blog da Thássia e Van Duarte do blog Van Duarte

Provavelmente a peça mais popular de moletom, as camisetas são (confesso) as minhas preferidas. Elas costumam ser aquele tipo de peça confortável que te acolhe e que ao mesmo tempo permite dezenas de combinações diferentes.

Com saias rodadas, por exemplo, elas formam um visual bem lady like e com calças jeans se transformam em um look mais básico, porém bastante versátil no dia a dia. Outra ideia bem interessante e que vem dominando os looks de streetstyle internacionais é o uso de camisetas de moletom com jaquetas, de modo que o gorro do moletom fique para fora.

E ah, não se esqueça: camisetas de moletom com estampas bem chamativas ou com frases marcantes são muito cools e deixam qualquer visual interessante.

Bárbara Alcântara do blog Tudo Orna, Bruna Vieira do blog Depois dos Quinze, Camila Coutinho do blog Garotas Estúpidas e a modelo Kendall Jenner
Bárbara Alcântara do blog Tudo Orna, Bruna Vieira do blog Depois dos Quinze, Camila Coutinho do blog Garotas Estúpidas e a modelo Kendall Jenner

 

Nenhuma dúvida de que o moletom veio mesmo para ficar no mundo fashion, não é mesmo?

Beijos e até a próxima!

Jornalista formada pela Unesp, tem 27 anos e divide seu tempo entre a redação de uma editora de revistas e seu blog. É apaixonada por moda, – desde que entendeu o quanto esse universo pode ser inspirador e inteligente – livros, cinema, uma boa xícara de café e conversas sobre a vida, o universo e tudo mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *